você quer ter uma ForteMente para trilhar seu caminho com equilíbrio? sim não
Post Forte

Ensinamento

insegurança
Como superar a insegurança?

“Um tigre não tem que proclamar sua ferocidade”. 

Esse provérbio, simples e curto, é um verdadeiro ensinamento sobre segurança. Podemos fazer uma comparação entre o tigre, que só exibe suas garras quando é necessário, com as pessoas seguras de si, que não precisam reafirmar aquilo que são a todo momento. 

A necessidade de aprovação e reafirmação é uma característica de pessoas inseguras e é muito comum que essas pessoas escondam seus medos e temores por trás de uma atitude de falsa segurança e que cheguem até mesmo a fazer com que os outros se sintam inferiores para compensarem seu próprio ego. 

Não estamos falando aqui de pura falta de humildade, mas do que Alfred Adler denominou de complexo de inferioridade. Pessoas que possuem esse tipo de transtorno psicológico costumam nutrir sentimentos de insuficiência e incapacidade tão intenso que, muitas vezes, se sentem um verdadeiro fracasso, em alguns ou em todos os aspectos de suas vidas. 

Essa tendência a não reconhecer o próprio valor pessoal, é o que chamamos de "baixa autoestima". E não é nada que dê para banalizar! Esse sentimento de desvalorização pode comprometer relações, sejam elas pessoais, profissionais, afetivas, familiares ou sociais. 
  


Saiba como técnicas cognitivo comportamentais podem te ajudar!

 


Estamos acostumados a associar a ideia dessas pessoas inseguras apenas àquelas que com grande complexo de inferioridade, que nunca sentem que têm o suficiente para se sentirem afortunadas, mas não é bem por aí. 

Se você já se sentiu inferior perto de alguém que parecia o próprio encarnação do sucesso, não se engane, por trás dessa pessoa aparentemente bem-sucedida pode existir apenas uma pessoa insegura. 

Essa inversão de valores acontece porque, muitas vezes, para as pessoas inseguras é suficiente fazer alarde do seu grande estilo de vida, do seu enorme currículo ou de quão fantástica é a sua família. Esse é o jeito que elas encontram de se convencerem de que realmente têm valor 

As pessoas que se sentem inferiores procuram compensar este sentimento através do que Adler chama de luta pela superioridade. O único jeito que elas encontram para enfrentar a incerteza das suas capacidades e se sentir bem é fazendo as outras infelizes ou questionarem a sua capacidade também. São aquelas pessoas que sempre querem sair por cima em todas as situações e não perdem uma única chance de se vangloriarem. 

É normal que todos nós tenhamos momentos de insegurança, o medo é fundamental para o nosso instinto de sobrevivência. O problema é quando isso se transforma em um sentimento generalizado, capaz de comprometer diferentes âmbitos da vida pessoal dessas pessoas. 

Como lidar com a sua própria insegurança ou ajudar alguém a superar esse sentimento: 

Questione sua insegurança

- De onde vem esse sentimento? São medos reais e palpáveis? 

- Avalie se você realmente tem motivos para se sentir inseguro e o que de pior poderia acontecer se você enfrentasse esses medos. 

Autoconhecimento

- Refletir sobre sua própria insegurança dará início a um processo de autoconhecimento. 

- Por que você tem medo de fracassar? Entender se isso tem relação com sua história de vida, sua personalidade, ou outros fatores externos permite que você tenha uma visão clara do seu próprio funcionamento, dos seus gatilhos e de como você reage em cada situação que a vida traz. 

Reveja suas crenças

- O medo e a sensação de incapacidade podem ser crenças limitantes. Quantas vezes esses sentimentos te impediram de realizar um sonho, um objetivo ou até mesmo tarefas simples? 

- Desconstrua cada uma dessas crenças que paralisam sua vida e as substitua por outras, positivas e realizadoras! 

Eleve sua autoestima

- Analise como você tem se visto. Você reconhece suas competências e fragilidades? Você é capaz de gostar de quem é? 

- Se você mesmo não for capaz de se olhar com carinho e cuidado, dificilmente as outras pessoas notarão suas qualidades. 

Sabe aquela velha história de que primeiro devemos nos amar? Eu diria mais, junto de todo esse amor, deve vir o respeito, a compreensão, o cuidado e o reconhecimento próprio. 

Mas se você, ainda assim, sentir que precisa de ajuda para superar seus medos e incertezas, eu tenho mais dicas para você aqui.