você quer ter uma ForteMente para trilhar seu caminho com equilíbrio? sim não
Post Forte

Ensinamento

mente inquieta
Aprenda como sair do mundo da lua

Viver no mundo da lua, apesar de bem poético, pode ser perigoso para nós mesmos. 

Sabe quando você se pega divagando até mesmo no meio de uma conversa ou um trabalho importante? 
Pode parecer só mais uma escapadinha, mas quando isso se torna um hábito perdemos aos poucos a capacidade de focar no que realmente importa: o AGORA! 
 


COMO AQUIETAR OS SEUS PENSAMENTOS?!!




Daí você me diz: "Ah Dr Bruno, é porque eu sou uma pessoa muito criativa!". 
Realmente, controlar os pensamentos em um momento de criatividade é desperdício, mas essas fugas da realidade nem sempre são uma questão de criatividade, muitas vezes se tratam apenas de falta de foco e atenção! 

De fato, a rotina caótica dos tempos atuais faz 24h parecerem insuficientes para cumprir com todos os compromissos profissionais, familiares, amorosos e sociais, por isso nossa mente vive num ritmo frenético onde estamos sempre pensando no que faremos depois. 

É exatamente por vivermos nessa eterna ansiedade que esquecemos onde deixamos a chave, o carro, a bolsa, o cartão... Com tantos estímulos externos e distrações fica difícil ter plena atenção nas pequenas coisas do dia a dia. 

Quer uma dica simples pra aprender a controlar seus escapes? MEDITAÇÃO! 

E como eu já tratei em outra publicação aqui do blog, você não precisa ser muito zen para conseguir. Você sequer precisa sentar em posturas de meditação! 

É isso mesmo, caso você não goste da ideia de sentar e ficar 30 minutos em uma mesma posição, tudo bem! 
A meditação formal é só uma das possibilidades (a mais poderosa, mas não a única!). 

Criamos uma ideia errada da meditação, de que precisamos esvaziar nossa mente e não pensar em nada. 
Meditar não é isso. 
Meditação é a sustentação da atenção focada em algo. 

Ela vai te ajudar a exercitar a habilidade de deixar sua mente ir e, gentilmente, trazê-la de volta para um foco de atenção pode ser um antídoto perfeito para o estresse e a inquietação que muitos de nós experimentamos todos os dias. 

Resumindo: Estamos falando de desenvolver uma consciência, de modo que você mesmo seja capaz de identificar quando está divagando e exercitar a capacidade de voltar a sua atenção para aquilo que está fazendo no momento, mesmo que sejam coisas simples como lavar a louca, tomar um banho, etc. 

Que tal simplesmente incluir alguns exercícios na sua vida diária para domar sua mente inquieta? 

1) Tome consciência da “voz” dentro da sua cabeça, essa que tagarela o tempo todo. Mas não julgue e nem brigue com os pensamentos que ela te impõe, por pior que eles possam parecer, aceite-os com naturalidade. 

2) Em alguns momentos do dia perceba sua respiração, alinhe a sua postura, relaxe os ombros e sinta seu corpo. 
Sinta sua presença física (na temperatura, ritmo da sua respiração, vibração, dor, etc.) e mental (suas emoções, sentimentos, aflições, sensações, pensamentos). Por fim, tome consciência de que você está ali, naquele lugar, prestando atenção aos sons, cheiros, objetos, cores. 

3) Corrija de tempo em tempo sua postura. Sempre que lembrar, levante o corpo e fique ereto conscientemente. 

4) Abandone de vez em quando a ideia de um Eu que tem uma história, passado, futuro, profissão, títulos, fama, bens, família, amigos, etc. Seja somente esta coisa que contempla, que percebe o mundo à sua volta. 
Se preferir pode fechar os olhos, em algumas situações poderá facilitar. 

5) Se sua mente tagarela insistir em sabotar suas tentativas, tudo bem, é assim mesmo, aquietar a mente exige bastante treino, continue tentando! 

E caso queira praticar o mindfulness e precise daquele empurrãozinho, tem todo um curso preparado para você aqui.